Hospital da Mulher participa de reunião sobre o Carnaval com órgãos de atenção às mulheres

Na manhã desta segunda-feira (29/01), representantes de diversos órgãos da Rede de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres estiveram reunidos na sede da Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA), para tratar das ações em parceria durante o Carnaval de Salvador, com o objetivo de oferecer mais proteção às baianas e turistas.

Titular da SPM, Julieta Palmeira agradeceu a presença de todas e todos, e ressaltou a importância em formar uma força-tarefa entre os órgãos envolvidos no atendimento e acompanhamento das mulheres vítimas de violência. “Sabemos que, durante o Carnaval, vários tipos de violência contra as mulheres são registrados. Precisamos estar em sintonia para que, caso a agressão aconteça, essa mulher tenha todo o suporte necessário.”

Para o Carnaval, a secretaria disponibilizará as duas unidades móveis: uma unidade estará com o Hospital da Mulher e a outra com a Ronda Maria da Penha. Ambas estarão no circuito da festa e realizarão atendimentos com mulheres que sejam vítimas de violência. As equipes da Coordenação de Ações Temáticas da secretaria realizarão conscientização durante a festa, além de visitas em postos policiais e camarotes.

As equipes da Ronda Maria da Penha do interior do estado estarão na capital durante o período carnavalesco. Com funcionamento 24 horas, três viaturas estarão distribuídas nos circuitos do Pelourinho, Campo Grande e Ondina. A Ronda também será responsável pela conscientização da tropa da Polícia Militar, durante as trocas de plantão.

Nós próximos dias, o Tribunal de Justiça entregará os kits para os juízes que estarão de plantão durante o Carnaval, com informações dos órgãos e entidades da rede de atendimento às mulheres. Além disso, serão distribuídos materiais informativos com a temática da festa.

As Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher (DEAM) de Periperi e Brotas terão funcionamento 24 horas, com equipe formada por psicóloga e assistente social.

Já a Secretaria de Turismo (Setur), como em anos anteriores, reafirmou a parceria com a SPM na entrega dos materiais informativos de enfrentamento à violência contra as mulheres, através do grupo de Guias e Monitores, que estará presente nos pontos de entrada da cidade, como porto e aeroporto. A equipe está habilitada em 12 idiomas, inclusive libras.

A Defensoria Pública terá um canal de denúncia on-line e um via telefone. Serão realizadas visitas nos postos de saúde e policiais, além da disponibilização da unidade móvel do órgão no circuito. O Departamento de Polícia Técnica – DPT terá postos nos circuitos, com a presença de médico legista, capacitado para atender as mulheres caso se faça necessário.

A Secretaria da Saúde (Sesab), através do Hospital da Mulher, estará com a unidade móvel de quinta a terça-feira, no circuito. Além do atendimento médico, a unidade terá atendimento com psicóloga e assistente social. A orientação é a de que, em casos de violência sexual contra as mulheres, a vítima seja encaminhada diretamente à unidade.

A Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude de Salvador (SPMJ) estará com o observatório racial, da juventude e mulher, com mais de 30 observadoras, que irá funcionar 24 horas. O Centro de Referência Loreta Valadares também estará aberto durante a festa.

O encontro contou com a presença da desembargadora do Tribunal de Justiça, Nágila Brito; Olga Cristina Lima, da Sesab; a delegada da DEAM de Brotas, Heleneci Nascimento; a diretora do DPT, Ana Maria Rolim; Avana Cavalcante e Janiely Anjos, do Hospital da Mulher; da promotora de Justiça, Lívia Vaz; César Pacheco e Anderson Oliveira, da Superintendência de Prevenção à Violência – SPREV da Secretaria de Segurança Pública; da capitã Ana Paula Queiroz, da Ronda Maria da Penha; a defensora Eva Rodrigues, da Defensoria Pública; Eloísa Caldeira, da Setur; e de Maria Auxiliadora Alves, da SPMJ; além da chefe de Gabinete, Karla Ramos, e técnicas da SPM-BA.

Fonte: Ascom SPM-BA

Fale Conosco

Rua Lucaia, Edf. Professor Jorge Novis – Sobreloja, Sala 501, n° 337, Rio Vermelho – Salvador, Bahia