HPEL adota novo fluxo para captações de órgãos e incentiva doação através da campanha Setembro Verde

O Hospital Professor Eládio Lasserre (HPEL), em Cajazeiras, adotou novos protocolos para a captação de órgãos devido à pandemia de COVID-19. As medidas acontecem em conformidade com a Central Estadual de Transplantes e com o Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN).

Os protocolos foram implantados como forma de garantir a continuidade das doações e captações de órgãos. “Além das investigações de viabilidade de doação pelas buscas do prontuário e exames do doador, independentemente de qualquer condição, colhemos o RT-PCR para COVID-19 para assegurarmos a ausência do Coronavírus. Com mais um exame, é necessário que o fluxo seja ainda mais preciso, pois a questão do tempo para a preservação dos órgãos permanece o mesmo”, explica a gerente de enfermagem da unidade, Luciana Porto.

Com o tema ‘Doação de órgãos é assunto de família, fale com a sua’ a campanha Setembro Verde deste ano busca promover a conscientização sobre o assunto e contribuir para a redução da lista de espera para transplantes do Estado. Atualmente, 1.275 pacientes aguardam por transplante de órgãos entre rim (698), fígado (10) e córneas (567). “O HPEL abraçou esse tema de extrema importância e, todos os fluxos que forem necessários para que o percentual de doações aumente, nós iremos fazer. O nosso objetivo é salvar e cuidar de vidas”, garantiu Luciana.

Com o apoio de equipe multiprofissional, a Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT) é a responsável pela articulação dos fluxos do hospital de forma a detectar e viabilizar possíveis doações de órgãos e tecidos. Em 2019, ao todo, 28 captações foram realizadas pela unidade.

Para se tornar um doador de órgãos, basta informar aos familiares do desejo. Mais informações sobre doação e transplante de órgãos e tecidos podem ser obtidas através do site www.saude.ba.gov.br/transplantes.

Fale Conosco

Rua Lucaia, Edf. Professor Jorge Novis – Sobreloja, Sala 501, n° 337, Rio Vermelho – Salvador, Bahia