Setembro Verde: Hospital da Mulher conscientiza colaboradores sobre doação de órgãos

Levar informação, sensibilizar e fortalecer a campanha Setembro Verde, cujo tema deste ano é ‘Doação de Órgãos é assunto de família, fale com a sua’. Com essa proposta, o Hospital da Mulher promoveu nesta segunda-feira (28), em Salvador, rodas de conversa sobre a importância de avisar aos familiares sobre o desejo de ser um doador de órgãos.

A ação, que lembrou o Dia Nacional de Incentivo à Doação de Órgãos – celebrado em 27 de setembro -, foi voltada a todos os colaboradores da unidade: profissionais das equipes assistenciais, de apoio e administrativas.

A adesão a doação de órgãos e tecidos ainda é baixa, com resposta positiva de apenas 40% dos entrevistados; por isso, informar aos familiares sobre o desejo de doar órgãos contribui para a redução da fila de espera e melhora da qualidade de vida dos pacientes que aguardam pelo transplante. Para a técnica de enfermagem Maxileia da Silva, o tema deve ser debatido. “É muito interessante essa conscientização em relação a doação de órgãos, porque ainda é um assunto delicado”, afirmou.

A roda de conversa estimulou a auxiliar administrativa Ana Rosa Portela a pensar sobre doação de órgãos. “Achei ótima a iniciativa, eu nunca tinha parado para pensar sobre isso. Foi um momento de reflexão”.

Atualmente, conforme dados disponibilizados pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), 1.275 pacientes aguardam na Fila de Espera por transplante de órgãos. O rim é o órgão mais aguardado, com 698 pessoas na Fila de Espera, seguido por córneas (567) e fígado (10).

Para se tornar doador, basta comunicar aos familiares. Para mais informações, acesse saude.ba.gov.br/transplantes ou entre em contato com a Central de Informações de Transplantes (CET-BA) através do telefone 0800 284 0444.

Fale Conosco

Rua Lucaia, Edf. Professor Jorge Novis – Sobreloja, Sala 501, n° 337, Rio Vermelho – Salvador, Bahia